Follow by Email

10 de fevereiro de 2011

Homem comentando sobre Duro de Matar 4.0 (ou qualquer outro filme, assunto e variáveis)

Conversando com você: Meu bem, vi um filme muito bom que você vai gostar, tem romance, aventura e até um pouquinho de drama, quer ver comigo? 
(aqui compreende-se que mentirinha é mais usado do que se imagina numa relação)

Homem conversando com um colega de trabalho (sem muita intimidade): Cara, o filme é muito massa. O cara vem e pá, bate o carro no helicóptero e pow, ele vira e pega fogo. Irado, irado!
(Onomatopeias para que te quero)

Homem conversando com amigo de infância: Veiiiiii, caracaaaaaa, o filme é sinistro, vei! Você tem que ver, veiiiii, é zueira, é zueira!
(No fundo, no fundo, falou nada)

Duro de aguentar, isso sim!

Nenhum comentário: