Follow by Email

23 de agosto de 2010

Pecados Capitais: Vaidade

 
Cuide do seu jardim...o resto da frase está todo mundo careca de saber, mas, por mais que seja uma ideia muito repetida, é verdadeira e como! Se seu jardim anda cheio de matos, insetos, pedras e fiapos, que borboleta vai se aproximar, meu caro? Mais fácil será atrair lagartixas, sapos e cobras. Se é do seu gosto...

Cuidar-se é atitude básica e não digo pensando no seu par ou no desejo de atrai-lo, mas no fato de que é preciso cuidar-se para um viver bem consigo mesmo. Andar penteado, com roupas limpas, cheiroso não é luxo, muito menos faz de você um metrossexual. Não sei minhas caras colegas, mas eu não gosto de homens que excedem, nem para mais e nem para menos. Assim como desleixo é um não gigante saindo de minha boca, o excesso de vaidade faz do homem um ser distante nas minhas relações.

Cuide-se, mas não compita com as mulheres, por gentileza. Nada de sobrancelhas feitas, brilho nos lábios ou roupas extravagantes demais. Queremos homens e não meias verdades.
Nem brucutus, muito menos Bonecos Ken!Assim como nos cuidamos em academias, mas de olho em não ficarmos masculinizadas, equilibrem antes que façamos confusões tão grandes por não sabermos mais quem é o quê.



**



A vaidade nunca esteve tão em alta, mas não por causa das mulheres, pois essa é uma característica quase natural delas. Vocês, leitoras, nascem com o gene da vaidade, não é mesmo? E qual homem não gosta de uma mulher bonita, elegante e, inclusive, provocante? É um deleite. E quanto a nós homens? A novidade agora somos nós, porque estamos saindo, inevitavelmente, dos armários e entrando numa seara que, historicamente, era marcada pelas saias, saltos altos e batons. O pior é que estamos gostando.

Eu não me incluo, porém, na turma daqueles que entraram de corpo e de alma nessa ideia (ainda!) – logicamente, isso não quer dizer que faço o tipo “homem das cavernas”. Longe disso. A minha vaidade é bastante discreta, mas sempre presente, é claro. Eu aproveito e faço piada com isso: digo que homem metrossexual é um homem que está a meio metro de virar a casaca, mudar de lado, de transviar-se. Vale lembrar: é brincadeira. E sei que vocês mulheres adoram homens vaidosos.

A vaidade, na medida certa, também é bem-vinda, aliás, é até recomendada, pois sepulta preconceitos e cria a imagem de um novo homem mais sensível, mais cuidadoso e mais atento. Mulheres, cuida-vos, estamos chegando! Nós estamos gastando, mais e mais, com creminhos, academias, shoppings, limpezas de pele e cirurgias estéticas para ficar saudáveis e bonitões – ou, como pronunciava um comercial, estamos revendo nossos conceitos. O desleixo é coisa do passado.

Nenhum comentário: